terça-feira, 16 de março de 2010

A Joana e os seus animais de estimação

Era uma vez uma menina que desde sempre pediu um gatinho aos seus pais, no entanto o pai Vitor , a mãe Lu e a irmã Carla ( nomes fictícios) não permitiram que tal acontecesse.
A Joana foi crescendo sempre a pedir um gatinho.Até que um dia depois de tanto chatear os pais, eles resolvem dar-lhe um cão, sim leram bem um cão. A Joana ficou muito contente porque podia não ser o tal gato mas era um animal de estimação, tinha quatro patas e servia-lhe na mesma. Passado 1/2 mês o caozinho cresceu bastante, e não deixava ninguém dormir lá em casa. Um dia a Joana chegou a casa e já não tinha cão entao a mãe Lu explicou cuidadosamente á Joana que havia uma menina que queria muito um caozinho que por acaso era o dela.
A Joana passado algum tempo conformou-se.
O tempo foi passando mas a ideia ter um gatinho manteve-se.
Entretanto teve uma tartaruga. Só que devido ao silêncio e hibernação da mesma a Joana não deu logo conta que ela estaria morta. Mesmo assim fez uma segunda tentiva e comprou outra. Só que esta cresceu muito e conseguiu sair do aquário e quando se viu em liberdade pumba caiu para trás do armário e por lá ficou ainda não se sabe bem quantos dias até ser adoptada por uma amiga da sua irmã.
Uns anos mais tarde a mãe Lu viu que realmente o desejo da sua filha era um gato e então prometeu "Joana se entrares na faculdade este ano eu dou-te um gato"
Pois também isto foi embuste. A Joana entrou na faculdade acabou o curso, começou a trabalhar e nada de gato.
Hoje em dia a Joana já não gosta assim tantos de gatos mas continua a sonhar em ter um animal de estimação, mas ao mesmo tempo tem receio do que possa acontecer ao bicho.
Mesmo sem conhecer a Joana posso dizer que tenho medo que ela se torne numa espécie de Dexter do mundo animal devido aos tormentos passados durante tanto tempo, devido ás mentiras e ao raio da menina que ficou com o seu cão.

5 comentários:

Mineiro disse...

Duas palavras: Bru tal! :)

marta. disse...

como entendo...
já passei por tantas tentativas de ter um animal. a minha gata lá foi despachada porque a minha mãe não gostava dela :(
chorei muito. Era a minha chila!!!
Agora tenho uma tartaruga e nem sei muito dela porque está a hibernar

Noutro dia a minha mãe falou-me em comprar um gato para mim. Eu disse que não. Não quero passar o que passei por outro animal :/

Maria disse...

queres a minha baby/rita/suicida??
digo-t, é só animação. desde cair da janela até agarrar-se à cabeça das pessoas é um saltnho :)

JU disse...

Na...muito brigadinha mas passo.
Tu também tinhas uma boa historia para contar sobre animais de estimação mikas.


Agora tenho um bocado de receio de gatos, talvez porque uma gata me subiu para a acbeça, ou porque já vi outra toda ensanguentada por ter andado á bulha com um cão....sei lá...acho que foi isso.
O que eu quero mesmo é um Bulldog! Doas verdadeiros. Não quero aqueles pequeninos que parecem os diabos da tansmania

Mane disse...

Mt bom!