sexta-feira, 5 de novembro de 2010

ATENÇÂO: Este post foi escrito ao som de "Chamar a Música" de Sara Tavares. Nem eu sei o que pode vir daqui.

Eu não adoro o meu trabalho. Gostei no inicio porque era novidade, tem alguns dias que me consegue satisfazer mas os restantes dias acho um trabalho repetitivo ,e o pior de tudo, muito solitário. Eu sempre pensei que o meu trabalho passaria pelo contacto directo com pessoas e realmente isso não se verificou, o contacto mais próximo que tenho com as pessoas é por telefone.
Para mim, e quem me conhece sabe que é verdade, que falo muito, ás vezes é um suplício. Não fossem os meus colegas de trabalho aturarem e darem trela á minha converseta  e eu desconfio que estava meia biruta.
Só  trabalho com homens, e nunca conheci outro meio de trabalho. Secalhar é bom ter uma colega para volta e meia falar de unhas e vestidos ou até para simplesmente justificar a compra de um espelho para a casa de banho já que em 3 anos de trabalho nunca me pude vislumbrar um bocadinho da minha aparência enquanto estou a trabalhar. O que ás vezes se traduz em base mal aplicada de manhã até ao almoço, hora de ir a casa almoçar.
No entanto eu gosto muito de trabalhar com eles, e se um dia mudar de emprego seguramente que vou sentir-lhes a falta. Eles mimam-me um bocadinho, disputam a minha a atenção, brincam comigo e o senhor mais velho até vem ler o jornal para a minha a beira. São uns fófis. Eu não tenho o melhor o emprego do mundo, como acho que  a maioria de nós, que trabalha por necesidade não tem, mas seguramente tenho uns colegas do caraças que dão 20 a 0 a muitos que por aí andam.

3 comentários:

Mineiro disse...

Graxista,
os teus colegas descobriram o teu blog....foi?

JU disse...

Achas?! Apanhava uma tanga descomunal.
Foi a Sara que me inspirou :)

Anónimo disse...

Não á trabalhos perfeios,o meu nem lhe chamo trabalho é um sonho de miudo tronado realidade, faço aquilo que gosto e que sempre sonhei, não tem horário nem patrão.
Os colegas são exelentes, aliás não são colegas mas amigos.
Hoje de manha trbalharam e eu fui surfar, aliás panhei das melhores ondas de sempre!
Mas nem tudo é perfeito, como tudo na vida...
Mané